Prefeito IE IÉ insere Moju na rota de desenvolvimento do Pará com autorização da ferrovia paraense no município

0

Tem sido comum em nossa gestão, não apenas falarmos, mas agirmos com firmeza em busca de muito mais desenvolvimento para nossa região. Dessa feita, trago uma ótima notícia para todos nós, ao ponto em que fui convidado para participar de um encontro sobre a Ferrovia Paraense, com previsão de 1.316Km de extensão no Pará, onde inclusive assinei na tarde de hoje, a autorização de sua passagem em Moju, haja vista que a estimativa de empregos diretos e indiretos que serão gerados durante a execução dessa grande obra, chega a cerca de 38 mil postos de trabalho, além dos benefícios que a ferrovia estará agregando ao Estado como um todo.

No evento realizado na noite de ontem (27/03), estive reunido com o Secretário de Estado de Desenvolvimento, Mineração e Energia (Sedeme) – Adnan Demachki, que preside o Comitê Gestor de Parcerias Público – Privadas do Estado do Pará, além de empresários, industriais, dirigentes de entidades de classe, secretários de Estado, a exemplo do Secretário de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) – Luiz Fernandes e prefeitos de outros 22 municípios, no prédio da Federação das Indústrias do Pará (Fiepa), para conhecer os detalhes do projeto da ferrovia paraense.

É importante frisar que de acordo com o Secretário de Estado de Transportes, Kleber Meneses, presente conosco no evento, a avaliação de custo para a execução da obra é de 14 bilhões de reais da iniciativa privada, e total protagonismo do Estado ao priorizar o projeto, obedecendo os Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental – EVTEA, realizados pela Pavan Engenharia, já sob aprovação da Sedeme.

Amigos e amigas, a Ferrovia Paraense, irá conectar Barcarena à Santana do Araguaia, interligando o Pará de Norte a Sul, por meio de um corredor viário competitivo e que certamente beneficiará todo o Estado e o Brasil. Portanto, estarmos inseridos nesse projeto é de suma importância para o município, razão que levou-me assinar tal autorização, nesta terça-feira (28/03), na sede da Sedeme, em Belém. É certo que os impactos positivos que a ferrovia irá gerar para todos nós, é incalculável, tornando tal oportunidade única e indispensável em nosso processo de desenvolvimento de Moju. Que Deus nos abençoe minha gente.
Prefeito Deodoro Pantoja da Rocha (IE IÉ)

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.


Acessibilidade
Acessibilidade